Alphaville, o maior reduto de condomínios do Brasil

Alphaville, o maior reduto de condomínios do Brasil

Localizado a cerca de 30km de São Paulo, Alphaville é um bairro pertencente as cidades de Barueri e Santana de Parnaíba. Considerado o maior reduto de condomínios do Brasil, a região é dividida entre os 13 residenciais e o subdistrito empresarial.

O nome do distrito foi escolhido em homenagem ao filme de mesmo nome do diretor Jean-Luc Godard. História que narra a aventura do protagonista para salvar a futurista cidade fictícia de Alphaville que é totalmente controlada e manipulada por um computador. 

Um ponto a se destacar da região é a boa infraestrutura. O bairro tem alto nível de segurança e organização. O desenvolvimento sustentável é um item obrigatório para que novas empresas possam se instalar.  


História

Os engenheiros e sócios Renato Albuquerque e Yojiro Takaoka tinham o projeto de criar uma região totalmente planejada para empresas não poluentes. Assim nasceu Alphaville em 1973, começando a partir de um terreno de 500 hectares com o projeto urbanístico dos arquitetos José de Almeida Pinto e Reinaldo Pestana. O Bairro começou a ser erguido no lugar da antiga fazenda Tamboré.

A princípio, os terrenos foram loteados para proprietários e executivos de empresas, mas surgiu a necessidade de construir casas para os trabalhadores das companhias e só depois a construção e venda de propriedade foi aberta para quem quisesse morar na região.

Esta mudança no foco do empreendimento, transformou o bairro não somente em um centro empresarial como também em um ambiente para quem quisesse fugir da agitação e poluição da cidade grande, mas mantendo uma certa proximidade.

Em 1975, foi lançado o Alphaville Residencial, para atender os executivos das empresas que queriam morra perto do trabalho. Essa mudança os fez entender que valeria mais a pena investir em domicílios, o que explica a grande quantidade de residenciais designados com números da região.

No início dos anos 80, a procura na região ainda era pouca e os valores mais acessíveis. Fato que mudou em 1986, quando a valorização da região e o reconhecimento do alto padrão de Alphaville fizeram aumentar a demanda e, consequentemente, os preços das moradias.

Na década de 90, os bairros Tamboré e Alphaville, que possuem características semelhantes, se juntaram para tentar a emancipação de Barueri, formando assim um novo município. Sem obter sucesso, o processo foi arquivado na justiça.

A região continuou em constante valorização e atualmente o distrito tem 35 mil habitantes, mas calcula-se que, em média, 200 mil pessoas transitem na região todos os dias, de acordo com dados da Folha de São Paulo.


Mobilidade

Vias importantes da região são de fácil acesso para o bairro, como a Avenida Tamboré, Avenida Yojiro Takaoka, Via Parque e Avenida Piracema.

A localização estratégica garante fácil acesso a capital e ao interior, pois o distrito tem proximidade com as principais vias do estado, como a Anhanguera, Bandeirantes, Castello Branco e o Rodoanel.

Com 4 terminais de ônibus, Barueri conta com um grande fluxo de ônibus intermunicipais, mas não deixa de lado as linhas metropolitanas.

A cidade conquistou o 25° lugar de 500 municípios com a melhor mobilidade de todo o país, de acordo com a empresa Urban Systems. A avaliação levou em consideração pontos como proporção entre ônibus e automóveis, quantidade de ônibus por habitante, variedade dos meios de transporte, extensão de ciclovias e transporte rodoviário.


Lazer

O distrito de Alphaville não é muito conhecido por suas opções de lazer, mas os condomínios buscam preencher este vazio oferecendo piscina, academias, quadras poliesportivas e demais áreas comuns para crianças e jovens.


1. Parque Ecológico do Tietê

Inaugurado em 1982, o Parque Ecológico localizado em Barueri foi criado com o intuito de preservar a nascente do Rio Tietê. Com área total de 1 milhão de m², o espaço é dividido entre o Centro de Lazer e a Área do Russo.

O centro de lazer possui uma vasta área verde e lagos, além de trilhas, campos de futebol, playground e quiosques com churrasqueira.

Já a Área do Russo é um espaço para recuperação ambiental. Esta região do parque possui entrada restrita, mas é possível conhecê-la com visitas monitoradas por educadores ambientais. Na trilha acompanhada, você poderá ver a fauna e flora da região protegidas por lei, além dos lagos que sobraram após a retificação do Rio Tietê.


2. Shopping Iguatemi Alphaville

Considerado um dos melhores shoppings do Brasil, o Iguatemi Alphaville possui 4 andares, 187 lojas com marcas de alto padrão, 9 salas de cinema, mais de 25 opções de alimentação, além de academia, salão de beleza e um parque eletrônico. 

O projeto arquitetônico foi pensado de forma a transmitir bem-estar ao público, com amplo espaço e claraboias que favorecem a entrada de luz natural.

Destacam-se também as áreas de descanso e o chamado “food garden”, uma praça de alimentação a céu aberto cercada por árvores e flores.


Mercado imobiliário

A região é conhecida pelas facilitações oferecidas para que empresas se instalem no distrito, como a tributação diferenciada com alíquota mínima de impostos, a boa infraestrutura e os imóveis com preços competitivos. As propriedades de alto padrão desse setor podem chegar a valores 40% menores que os bairros nobres paulistanos, segundo a SECOVI-SP.

Sem ficar longe do agito de São Paulo, Alphaville conta com a tranquilidade de seus residenciais privados e ruas arborizadas. A segurança ofertada e a infraestrutura que proporciona qualidade vida atraem um público fiel para o distrito.


Receba Novidades

Cadastre-se e receba as novidades do mercado imobiliário em seu email.

Blog Leardi - Últimas Notícias

Fique por dentro das novidades do mercado imobiliario e de franquias. Oportunidades, dicas, informação.